"Sou uma pessoa alegre, divertida e com um sentido de humor muito apurado. Gosto de brincar a falar a sério e falar a sério a brincar. Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania. Tenho felicidade para puder ser doce, mas também tenho amargura para puder ser fria. Sei retribuir em dobro o que fazem para me agradar. Não sei amar pela metade, gosto de ter
tudo por inteiro."
Oh, Doctor. You keep my mind afloat everyday. I hope everybody else who sees this will travel to Gallifrey, discover its beauty and fill this space with their experience there.
Visit my other friends who had been on the TARDIS, will you?
"I´m a Grenade!"
"O meu amor por ti"

sábado, 28 de janeiro de 2012 @ 19:33 | leave a comment?


E de cada vez que eu olho para o teu retrato escorre-me uma lágrima, uma lágrima de desejo. Eu desejo ter-te mais que qualquer outra coisa, desejo poder olhar-te nos olhos e dizer-te, sem vergonha, que te amo, que te quero somente para mim. Estou a sonhar alto, eu sei que sim, mas sinto-me como se estivesse a morrer a cada segundo que passa. Sinto-me fraca, sem rumo, sem força para te dizer que és o menino dos meus olhos, para te poder mostrar o que para mim significas. Estou-me a tornar numa insignificância, já não sou exemplo para ninguém como outrora fui. Tu deixas-me assim, perdida, sem rumo, sem saber o que fazer para dar a volta por cima desta situação. Sempre incentivei os outros a dizer o que sentem, a mostrar á pessoa que ocupa a mente delas, sem medo, o que o seu coração sente. Mas que moral tenho eu para o dizer se nem sequer o consigo por em prática? É estranho este amor, amor silencioso, sem como's nem porque's, mas são estes os verdadeiros. Tu não sabes, mas todas as noites peço para o amanhã ser diferente, para ganhar a coragem que necessito para te enfrentar. Já tentei esquecer-te, mas cheguei á conclusão que não consigo, pelo menos por agora. Não consigo porque não sei o que dentro do teu coração bondoso vai. Pelas tuas atitudes concluo que não me amas, mas as tuas palavras dão um sentido diferente. Eu não acredito, não acredito que o teu coração bate por mim como o meu por ti bate, não acredito que os teus olhos brilhem como os meus brilham quando em ti ouço falar. Se convivesses comigo diariamente já o terias notado, já o terias sentido, mas assim é difícil. A distância por impedir muita coisa, mas não foi suficientemente forte para impedir este amor. Estás longe do horizonte do meu olhar, mas totalmente ao alcance do meu coração.
Recent Posts or Older Posts?